Warning: count(): Parameter must be an array or an object that implements Countable in /home/sccontabil/www/wp-content/themes/the-simple/includes/view/blog/single-creative.php on line 46

Existem uma série de práticas adotadas pelo Contador em São Caetano que devem ser tomadas como rotina para toda empresa, independentemente do seu ramo de atuação, pois, a SC Contábil, seu contador em São Caetano, aconselha que se mantenham normas rígidas de conduta que possam blindar seus negócios de quaisquer eventualidades fiscais e tributárias.
Em razão disto, seu contador em São Caetano irá enumerar aqui, boas práticas tidas como princípios contábeis que devem ser aplicados no dia a dia da sua companhia.

Os princípios contábeis governam o cerne desta ciência, sendo utilizados propriamente no objeto direto da contabilidade: os bens. Logo, o contador em São Caetano alerta que todo e qualquer princípio de contabilidade deve ser seguido tanto em ambientes públicos quanto privados.

A NBC define, que os princípios contábeis devem ser seguidos à risca de forma obrigatória no decorrer das atividades da contabilidade, sendo assim, todo e qualquer contador deve conhecer plenamente a função destes princípios ao conceber uma escrituração a seus clientes.

Por serem tão sérios e invioláveis, tais princípios possam ser vistos como algo extremamente complicado de se fazer entender, fazendo com que muitos errem na hora de colocá-los em prática em suas empresas, por isso é tão necessária a assistência de um contador em São Caetano.

Vamos primeiro elencar quais são tais princípios e posteriormente, explicá-los da melhor forma possível.


São eles: o princípio da Entidade, da Continuidade, da Oportunidade, do Registro Pelo Valor Original, da Competência e da Prudência.

Segundo o contador em São Caetano, sendo estes definidos por:

1- O princípio da Entidade: O qual identifica o patrimônio de uma determinada empresa como objeto central dos trabalhos contábeis, firmando a autonomia deste e delimitando o que se caracteriza como patrimônio empresarial e particular dos sócios da companhia, independentemente de como se compõe esta cúpula e suas finalidades. Com isso, todos os bens da empresa são separados daqueles que pertencem a seu proprietário e/ou seus sócios.
Sendo assim, a empresa estará blindada e desonerada de arcar com custas que não sejam dela, protegendo seu caixa de pagamentos de despesas de cunho pessoal, não deixando que os patrimônios se confundam e impedindo que pagamentos não planejados corrompam a base de cálculo administrativo;

2- O princípio da Continuidade, prevê que que a companhia permanecerá operando futuramente, apresentando a composição de bens que levam em consideração que a contabilidade será determinante durante toda a existência daquela empresa;

3- O princípio da Oportunidade, define as grandezas patrimoniais, a fim de que sejam alcançados dados fiéis que ocorram no tempo correto. Então, toda informação integrada a contabilidade dos negócios, demanda ser realizada exatamente no período em que ocorre, elencando os valores certos que independem de sua natureza, levando em consideração que tudo deva ser escriturado no dia em que acontece;

4- O princípio do Registro Pelo Valor Original, define que os objetos de recurso necessitam de registro por seu valor original de transação, especificados na moeda corrente brasileira, não importando o quanto valem atualmente no mercado. Isto se aplica a compra de propriedades ou automóveis, por exemplo;

5- O princípio da Competência, aponta que todos os lançamentos de operações da empresa, sejam reconhecidos no período em que aconteceram, sejam estes recebimentos ou pagamentos. Na rotina da empresa, este princípio se observa nas vendas de produtos, quando a receita é reconhecida na data real da venda, mesmo que o recebimento seja a prazo e não à vista.

6- Por fim, existe o princípio da Prudência, apontando que o menor valor para componentes ativos deva ser adotado, e, o maior para os passivos, em casos que se mostrem alternativas equivalentes para o balanço das alterações de patrimônio. Este princípio objetiva que os ativos e as receitas não sejam valorizados em demasia e tão pouco que se desvalorizem os passivos e despesas.

Uma curiosidade, é que antigamente existia o princípio da Atualização Monetária, porém este, foi revogado e incorporado ao princípio do Registro Pelo Valor Original, para que os valores dos itens que compõem os bens da empresa estejam sempre atualizados.

Estes princípios devem ser seguidos fielmente e incorporados às atividades diárias das empresas em todo o país, assim ocorre uma proteção total de patrimônio e pode-se assegurar o bom andamento de todas as atividades, sem riscos e ações prejudiciais para os negócios.
Para isto, toda empresa deve ter um Contador em São Caetano de confiança.
Por tanto, necessitam dos serviços da S.C Contabilidade e Assessoria Fiscal, que cuida dos negócios de seus clientes desde 1979, construindo desde então um sólido nome no mundo da contabilidade, sendo preferência entre aqueles que buscam soluções práticas e reais para suas companhias.

Rua Pedro José Lorenzini, 184/186 – Centro – São Caetano do Sul – São Paulo

Fale agora mesmo com nossos atendentes e firme seu negócio com a São Caetano Assessoria!
Telefone: (11) 4227-7070
WhatsApp: (11) 4229-1222
E-mail: contato@scontabil.com.br

0 comments on Contador em São Caetano: Princípios Contábeis que devem ser inseridos na rotina das empresas – SEO
(11) 4227-7070

Contato@sccontabil.com.br
WhatsApp: +55 11 42291222